A triste carnificina de carnaval

instalação no viaduto Dr. Arnaldo em 09/03/2011 / foto: Diego Ferrari

Segundo relatório divulgado pela Polícia Rodoviária Federal, 213 pessoas morreram e 2.441 ficaram feridas em estradas federais durante o carnaval.

O número de mortos em rodovias federais foi 47,9% maior do que em 2010. No carnaval deste ano, houve 1 morto para cada 19 incidentes envolvendo veículos motorizados.

A estatística não contabiliza os incidentes em rodovias estaduais ou nas áreas urbanas. Não é difícil estimar que por volta de 1000 pessoas perderam a vida em estradas, ruas e avenidas brasileiras durante a folia. Outras tantas passarão a carregar sequelas permanentes dos ferimentos.

Imprudência e alta velocidade são, quase sempre, as razões dos incidentes rodoviários.

A “falha humana”, no entanto, não é simples expressão do acaso: o país que literalmente destruiu sua malha ferroviária em pouco mais de meio século agora colhe os frutos de uma política rodoviarista que continua a vigorar.

Não é sensato que um país com dimensões continentais tenha como principal meio de transporte de pessoas e cargas os automóveis, ônibus e caminhões. Não é racional que tenhamos hoje uma malha ferroviária menor do que há 50 anos.

Se a reversão do quadro de imobilidade urbana, congestionamento e poluição depende da priorização de ônibus, metrô, bondes, trens, calçadas, bicicletas em detrimento do automóvel, a diminuição da carnificina que se repete a cada feriado depende fundamentalmente do resgate dos trens (de cargas e passageiros) e da implementação de hidrovias.

Continuar investindo em rodovias não tornará nossas rodovias mais seguras. O investimento na melhora das condições para ônibus, carros e motos é importante, mas não deve se sobrepor à busca por alternativas mais seguras e racionais de transporte.

Mortes por homicídios e em transportes no Brasil – Panóptico

Dois sites sobre transporte ferroviário:

Estações Ferroviárias

Ferrovias do Brasil

Anúncios

3 Responses to “A triste carnificina de carnaval”


  1. 1 Paulo Ramos 16/03/2011 às 5:42 pm

    Considero uma leviandade associar o Carnaval a tragédia constante, crônica das mortes em acidentes de trânsito nas rodovias e cidades brasileiras.

    O Carnaval é uma festa linda!

    O que ocorre a cada feriado longo nada tem de relação com a festa que acontece concomitantemente.

    Péssimas estradas, motoristas mal educados e o desrespeito as normas de trânsito!

    Cadeia para os crimes das estradas. Vemos nos telejornais os constantes desrespeitos de motoristas que desrespeitam limites de velocidade e regras óbvias do código de trânsito.

    Novos recordes de assidentes fatais são conquistados a cada feriado longo. Sejam feriados pagãos ou religiosos. Vamos ver como vai acontecer durante a próxima semana santa.

    Deixem o nome do Carnaval fora desta epidemia de mortes no trânsito nas estadas e cidades.

  2. 3 benicchio 17/03/2011 às 12:45 am

    Paulo,
    você tem total razão e a intenção do texto não era desmercer o carnaval, mas sim alertar para a redundância de incidentes rodoviários durante qualquer “feriadão”.

    O carnaval, como você disse, é lindo.

    Infelizmente, você tem total razão também ao dizer que esse triste quadro se repetirá durante a Semana Santa. Como se repete no fim de ano e em qualquer outro feriado prolongado.

    Obrigado pelo comentário.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Os autores

Daniel Santini é jornalista, tem 31 anos e pedala uma bicicleta vermelha em São Paulo. Também colaboram no blog Gisele Brito e Thiago Benicchio.

Junte-se a 55 outros seguidores

março 2011
S T Q Q S S D
« fev   abr »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Dica de leitura

compartilhe ideias

Quando uma cidade congestiona é preciso pensar alternativas de trânsito; discutir, dividir caminhos e dialogar. Ocupe este espaço.

Creative Commons License

outras vias no twitter

((o))eco no twitter

((o))ecocidades no twitter

  • Copa do Mundo das áreas protegidas: México. No campo da preservação da natureza os mexicanos jogam bonito. ow.ly/y7eYh 3 years ago
  • Copa do Mundo das áreas protegidas: Irã. Com 1 vitória em Copas, também não vai bem se o assunto é áreas protegidas. ow.ly/y47GD 3 years ago
  • No centro das políticas ambientais brasileiras está o MMA. Entenda qual o seu papel. ow.ly/y47CM 3 years ago
  • Relatório indica lacunas no monitoramento de qualidade do ar. População tem pouca informação sobre emissões. ow.ly/xOLbG 3 years ago
  • Livro mostra como usar integralmente os alimentos e incentiva a redução do lixo orgânico residencial. ow.ly/xGVz6 3 years ago

%d blogueiros gostam disto: