Ciclocidade, a associação dos ciclistas de SP

Mantenha distância de 1,5 metros ao ultrapassar bikes. Foto: D.S.

Reclamar de São Paulo é lugar comum. Falar mal da cidade, do trânsito, da poluição, do barulho é quase um passatempo para o paulistano. Aceitar que crianças não devem brincar nas ruas, que é perigoso caminhar à noite nos bairros, que devemos viver protegidos por muros cada vez mais altos, seguranças, câmeras e porteiros armados virou prática recorrente na capital do medo. Todo mundo fica indignado com a situação, mas continua vivendo assim e reforçando o modelo. Carros maiores e mais rápidos, avenidas mais largas e mais vazias de gente. Construímos, juntos, a anti-cidade.

Reunião Geral da Ciclocidade. Foto: D.S.

E se algumas pessoas que pensam um pouquinho diferente e que ousam gostar da cidade se encontram e começam a organizar mudanças? E se elas criam organização institucional e passam a brigar por uma cidade mais humana, justa e sustentável?

Em 25 de novembro de 2009, em uma reunião com quase 100 pessoas das mais diferentes idades, sexos, cores, origens, sotaques e crenças nasceu a Associação dos Ciclistas Urbanos de São Paulo, a Ciclocidade. De lá para cá, a organização tem se fortalecido, crescido e ganhado representatividade. Depois de um primeiro ano de palestras, encontros com parlamentares, negociações com o poder executivo e apoio e organização de eventos, essa turma que insiste em gostar de São Paulo ensaia voos mais altos.

Organização de grupos de trabalho e mobilização. Foto: D.S.

Ontem aconteceu a segunda reunião geral da Ciclocidade em 2011. Trata-se de um encontro democrático, em que a participação de todos não só é desejada como estimulada. Para concretizar projetos ambiciosos – e tentar transformar uma cidade agressiva e motorizada como São Paulo em uma capital divertida e colorida não é tão simples assim – foram organizados grupos de trabalho com metas, prazos e, principalmente, entusiasmo. Ninguém ganha para participar e, pelo contrário, quem se envolve acaba até tendo despesas.

Suco de manga e melancia. Combustível para quem pedala. Foto: Daniel Santini. Frutas: Matias Mickenhagen

Pelo encontro que aconteceu ontem as perspectivas são fantásticas. Festivais de música, de cinema, aproximação e diálogo com poder público, sensibilização de motoristas e convite para participação de mais ciclistas, palestras, prêmios, projetos doidos, tem muita coisa para sair do papel nos próximos meses.

E mesmo que nada disso dê certo, que os sonhos fiquem apenas como sonhos, só ver a empolgação de gente que gosta de São Paulo já faz um bem danado. Os encontros são abertos e toda vez tem gente nova. Participe, envolva-se. Hoje, como toda quinta-feira, aliás, tem a oficina comunitária Mão na Roda, projeto ligado à Ciclocidade.

Ou, fique reclamando do trânsito, da poluição, do barulho, do… zzzzzzzzzzzzzzzz……

Anúncios

3 Responses to “Ciclocidade, a associação dos ciclistas de SP”


  1. 1 Aline Cavalcante 10/02/2011 às 1:54 pm

    que droga vc usou pra tirar essas fotos?

  2. 2 Catatau 11/02/2011 às 12:02 pm

    Legal!

    Esse tipo de coisa é negócio de atuação diária mesmo, hábito, pequenas coisas, modo de se comportar e assim por diante.

    Melhor ainda quando se encontra gente também disposta a fazer esses inúmeros pequenos atos

  3. 3 matiasmm 17/02/2011 às 9:24 am

    Bonito post!
    e hj têm mão na roda, que bom….


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Os autores

Daniel Santini é jornalista, tem 31 anos e pedala uma bicicleta vermelha em São Paulo. Também colaboram no blog Gisele Brito e Thiago Benicchio.

Junte-se a 55 outros seguidores

fevereiro 2011
S T Q Q S S D
« jan   mar »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28  

Dica de leitura

compartilhe ideias

Quando uma cidade congestiona é preciso pensar alternativas de trânsito; discutir, dividir caminhos e dialogar. Ocupe este espaço.

Creative Commons License

outras vias no twitter

((o))eco no twitter

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

((o))ecocidades no twitter

  • Copa do Mundo das áreas protegidas: México. No campo da preservação da natureza os mexicanos jogam bonito. ow.ly/y7eYh 3 years ago
  • Copa do Mundo das áreas protegidas: Irã. Com 1 vitória em Copas, também não vai bem se o assunto é áreas protegidas. ow.ly/y47GD 3 years ago
  • No centro das políticas ambientais brasileiras está o MMA. Entenda qual o seu papel. ow.ly/y47CM 3 years ago
  • Relatório indica lacunas no monitoramento de qualidade do ar. População tem pouca informação sobre emissões. ow.ly/xOLbG 3 years ago
  • Livro mostra como usar integralmente os alimentos e incentiva a redução do lixo orgânico residencial. ow.ly/xGVz6 3 years ago

%d blogueiros gostam disto: