Kassab e a passagem de ônibus mais cara do Brasil

Quem disse que o prefeito não anda de ônibus? Aqui no Dia Mundial Sem Carro em 2010. Foto: Ricardo Fonseca/Secom (clique na imagem)

Em outubro, o prefeito Gilberto Kassab (DEM-SP) negou que o aumento da passagem de ônibus em São Paulo havia sido programado para o final do ano. Após os repórteres Bruno Ribeiro e Diego Zanchetta cravarem que ela subiria para R$ 2,90 em dezembro, ele concedeu uma coletiva de imprensa e garantiu que não havia nada decidido (é possível ouvi-lo neste vídeo no G1). Kassab foi mais longe, disse que poderia até baixar a tarifa, ideia que o OutrasVias abraçou com entusiasmo.

E aqui no Dia Mundial Sem Carro de 2009. Todo ano ele anda de ônibus, está provado. Foto: Ricardo Fonseca/Secom (clique na imagem)

Pois bem, hoje, durante vistoria de obras no Córrego Aricanduva, na zona leste, o prefeito anunciou que não haverá redução. Pelo contrário, de R$ 2,70, a passagem de ônibus passará a custar R$ 3 a partir da 0h de 5 de janeiro.

Prefeito, o senhor falou que poderia até baixar a tarifa e que em outubro não havia nada decidido para o final do ano. Enganou a gente direitinho, hein!

O preço de tal decisão
Como destacado quando este blog defendeu que o prefeito baixasse a tarifa, entre todas as grandes cidades brasileiras, São Paulo é a que tem a mais cara do Brasil. No site da Associação Nacional de Transportes Públicos, tem um levantamento completo atualizado em outubro de todas as capitais com mais de 500 mil habitantes, bem como o histórico dos últimos cinco anos.

Não por acaso, São Paulo tem colecionado recordes de congestionamento. A decisão de aumentar o custo do transporte público certamente levará mais gente a abandonar o sistema para optar por transporte individual. O que fará as ruas ficarem mais cheias de carros e os ônibus mais vazios. O trânsito ficará pior e os ônibus demorarão mais.

E, de novo, mais gente optará pelo transporte individual. Com menos passageiros, será preciso aumentar a passagem de novo para compensar. E o trânsito ficará pior e… bom, acho que o senhor já entendeu, não prefeito?

Também no Dia Mundial Sem Carro de 2009. Desculpem, não conseguimos encontrar fotos do prefeito andando de ônibus em outros dias. Foto: Ricardo Fonseca/Secom (clique na imagem

Assim como da outra vez, fica aberto o espaço para que o senhor explicar por que, com índices de poluição alarmantes e todos os sinais claros de colapso da política que prevê a priorização do transporte individual, devemos reforçá-la com a construção de pontes, a ampliação de avenidas e o aumento do custo do transporte público.

Anúncios

11 Responses to “Kassab e a passagem de ônibus mais cara do Brasil”


  1. 1 Marta Jacob 29/12/2010 às 1:38 pm

    Olá,
    O povo elegeu este governante, embora sabendo que ele é ultradireitista, conservador e que vai fazer tudo para favorecer as estruturas privadas.
    Para os brasileiros nao paulistanos são incompreensíveis fatos como a eleição de Jânio Quadros depois de ser responsa´vel pela ditadura no Brasil com sua renuncia sem justificativa, e atualmente, o voto maciço em Tiririca, um desperdício total pela contribuição pífia e caríssima que vai dar ao Legislativo brasileiro, além de carregar mais tres apaniguados com ele…Uma população com boas escolas, ou que deveriam ser boas, e dá tais exemplos de desperdício total de votos.

  2. 2 matiasmm 29/12/2010 às 9:37 pm

    concordo Marta, lamentáveis fatos esses. Ver que o mal caratismo vai tão longe e que poucas são as pessoas que se mexem contra suas decisões absurdas. As pessoas em São Paulo sofrem com poluição atmosférica, sonora que vêm desse modelo de privilegiar alguns economicamente. E no fundo esses “privilegiados” de grana são uns coitados que vivem atrás de grades, com seguranças os seguindo até na porta do banheiro. E como o senhor kassab foi ao bumba? Cheio de seguranças, câmeras para registrar o notável acontecimento? Vá dia normal, sem seguranças, escute as pessoas, quero ver se esse transporte continua a mesma coisa.

  3. 3 eduardomerge 29/12/2010 às 11:13 pm

    Não sou a favor de aumentos de custo para qualquer transporte, mas a cada dia metropolitano, o transporte público por ônibus está perdendo espaço de mobilidade e consequentes aumentos de tarifas para manter os custos de manutenção e bons lucros, como foi mencionado… No interior do anel central de São Paulo o ônibus está sufocado, e a cidade responde a todos os modais… Parece que esquecemos Leis básicas da Física para o espaço e corpos urbanos!

  4. 4 Raoni Japiassu 31/12/2010 às 2:39 am

    A população de São Paulo sofre com vários tipos de poluição. Atmosférica, visual, sonora, lixo, esgoto… mas a pior delas é a um tipo de poluição ideológica que se chama Cultura de Massa. Assim como as outras, esse tipo de poluição encontra na cidade de São Paulo o melhor ambiente para se proliferar. Tiririca não tem culpa nenhuma, sua eleição é só o produto desta cultura de massa.

  5. 5 Fábio Brito - @psychopenguin 05/01/2011 às 7:42 pm

    Vocês não entenderam. O Kassab que elevar o nível do transporte público em São Paulo a padrões Londrinos. Ele apenas começou pelo preço. 🙂

    Em tempo: a tarifa do ônibus em Londre custa 1,20 libras, ou aproximadamente R$3,10.


  1. 1 Protestos por transporte de qualidade « Outras Vias Trackback em 21/01/2011 às 7:27 pm
  2. 2 Bicicletada contra o aumento do ônibus « Outras Vias Trackback em 31/01/2011 às 11:15 am
  3. 3 as burrices de kassab | as bicicletas Trackback em 31/01/2011 às 2:08 pm
  4. 4 Sob protestos, ônibus aumenta em cidades importantes « Cirandeiras Trackback em 11/01/2012 às 3:14 pm
  5. 5 Campinas e Grande SP têm tarifa de ônibus mais cara do país | Planeta em Perigo Trackback em 24/01/2013 às 9:12 am
  6. 6 Campinas e Grande SP têm tarifa de ônibus mais cara do país | Simone Tuasco Trackback em 24/01/2013 às 7:48 pm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Os autores

Daniel Santini é jornalista, tem 31 anos e pedala uma bicicleta vermelha em São Paulo. Também colaboram no blog Gisele Brito e Thiago Benicchio.

Junte-se a 54 outros seguidores

dezembro 2010
S T Q Q S S D
« nov   jan »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Dica de leitura

compartilhe ideias

Quando uma cidade congestiona é preciso pensar alternativas de trânsito; discutir, dividir caminhos e dialogar. Ocupe este espaço.

Creative Commons License

outras vias no twitter

((o))eco no twitter

((o))ecocidades no twitter

  • Copa do Mundo das áreas protegidas: México. No campo da preservação da natureza os mexicanos jogam bonito. ow.ly/y7eYh 3 years ago
  • Copa do Mundo das áreas protegidas: Irã. Com 1 vitória em Copas, também não vai bem se o assunto é áreas protegidas. ow.ly/y47GD 3 years ago
  • No centro das políticas ambientais brasileiras está o MMA. Entenda qual o seu papel. ow.ly/y47CM 3 years ago
  • Relatório indica lacunas no monitoramento de qualidade do ar. População tem pouca informação sobre emissões. ow.ly/xOLbG 3 years ago
  • Livro mostra como usar integralmente os alimentos e incentiva a redução do lixo orgânico residencial. ow.ly/xGVz6 3 years ago

%d blogueiros gostam disto: