Volta ao mundo de bicicleta

Kei saiu do Japão em 2001 para pedalar pelo mundo

O japonês Keiichi Iwasaki saiu de casa em 2001 com o objetivo de conhecer o mundo de bicicleta. Após percorrer seu país inteiro, ele seguiu para China, passando por Hong Kong, Vietnã, Camboja, Tailândia, Malásia, Cingapura, Nepal e Índia. Subiu o Evereste, seguiu para o Irã, atravessou o Mar Cáspio em um barco com um remo (470 km em 21 dias!) e  seguiu para Turquia. Então entrou na Europa, cruzou os Bálcãs, seguiu para Europa Central, viveu na Hungria, e, seguiu desbravando o continente: Alemanha, França, Espanha, etc.

Veja o site Feel the Earth (Sinta a Terra)

Kei viaja com poucos pertences e ganha a vida fazendo apresentações de mágica em ruas movimentadas. Por que a bicicleta? “Para não poluir e não alimentar as guerras por petróleo”. Ele me explicou isso assim, tranquilo, causal, sorrindo. Conversamos na Itália, em uma rua movimentada. Kei falou dos planos de ir para a América do Sul no futuro, perguntou do Brasil, quis saber das bicicletas em São Paulo.

Ele não é o único que tem se deslocado e optado por conhecer lugares e pessoas sem comprar pacotes turísticos, sem correr desesperado por dezenas de cidades em poucos dias, sem a obrigação de conhecer e fotografar todos os pontos turísticos. Tudo bem que a viagem dele já dura quase uma década, mas, mesmo quem não planeja ficar tanto tempo assim na estrada, pode deixar a angústia de lado e viajar devagar para viver e não apenas passar por países diferentes.

No blog FelizCidadeFeliz tem um relato recente sobre os Banhos Quentes (WarmShowers), um sistema de hospedagem que tem muito a ver com as ideias deste texto. Vale ler com carinho – pode ser inspirador para quem simpatizou com a maneira como Kei vive as estradas dessa vida.

Anúncios

2 Responses to “Volta ao mundo de bicicleta”


  1. 1 Thiner 10/12/2010 às 9:03 am

    Legal, legal mesmo
    Ak no brasil, tb temos essa iniciativa, o Projeto Biomas
    http://bicicreteiro.org/
    Valeu
    Paz e equilibrio!

  2. 2 Alana 12/12/2010 às 11:35 am

    Muito bom!!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Os autores

Daniel Santini é jornalista, tem 31 anos e pedala uma bicicleta vermelha em São Paulo. Também colaboram no blog Gisele Brito e Thiago Benicchio.

Junte-se a 54 outros seguidores

dezembro 2010
S T Q Q S S D
« nov   jan »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Dica de leitura

compartilhe ideias

Quando uma cidade congestiona é preciso pensar alternativas de trânsito; discutir, dividir caminhos e dialogar. Ocupe este espaço.

Creative Commons License

outras vias no twitter

((o))eco no twitter

((o))ecocidades no twitter

  • Copa do Mundo das áreas protegidas: México. No campo da preservação da natureza os mexicanos jogam bonito. ow.ly/y7eYh 3 years ago
  • Copa do Mundo das áreas protegidas: Irã. Com 1 vitória em Copas, também não vai bem se o assunto é áreas protegidas. ow.ly/y47GD 3 years ago
  • No centro das políticas ambientais brasileiras está o MMA. Entenda qual o seu papel. ow.ly/y47CM 3 years ago
  • Relatório indica lacunas no monitoramento de qualidade do ar. População tem pouca informação sobre emissões. ow.ly/xOLbG 3 years ago
  • Livro mostra como usar integralmente os alimentos e incentiva a redução do lixo orgânico residencial. ow.ly/xGVz6 3 years ago

%d blogueiros gostam disto: